Onde vão as gerações Y e Z buscar a informação sobre a Covid-19?

Um estudo internacional em 24 países tentou perceber como as gerações entre os 18 e os 40 anos (conhecidas por Geração Z e Y, ou Millennials) têm acesso à informação sobre a Covid-19. O trabalho “Social Media & Covid-19: A Global Study of Digital Crisis Interaction Among Gen Z and Millennials” procurou também conhecer quais… Read More Onde vão as gerações Y e Z buscar a informação sobre a Covid-19?

Facebook não protege europeus da desinformação perigosa

A abordagem “America First” do Facebook deixa os cidadãos europeus – incluindo os portugueses – sem defesas para combater a desinformação, facilitando o acesso a conteúdos errados ou falsos relacionados com a pandemia. 56% dos conteúdos de desinformação nos idiomas europeus não-ingleses não são analisados pelo Facebook, “em comparação com apenas 26% do conteúdo em… Read More Facebook não protege europeus da desinformação perigosa

A cobertura mediática inspira a imitação de tiroteios?

Os eventos violentos são frequentemente cobertos pelos meios de comunicação com grande detalhe e disseminados imediatamente através dos meios de comunicação de massa e das redes sociais. Os especialistas acreditam que essa cobertura dos media pode inspirar outras pessoas a copiarem essas acções ou a cometerem crimes semelhantes [1]. Isso é geralmente chamado de efeito… Read More A cobertura mediática inspira a imitação de tiroteios?

“Imediatamente” são 30 minutos ou 48 horas?

A indefinição sobre o que é “prontamente” está a dar resultados diferentes na Europa. Um novo relatório europeu para eventos em directo não ajuda a clarificar a situação. Em Portugal, a directiva 2000/31/CE sobre o comércio electrónico, transposta para a lei 7/2004, responsabiliza os fornecedores de acesso à Internet (ISP) pelos conteúdos disponibilizados pelos utilizadores… Read More “Imediatamente” são 30 minutos ou 48 horas?

Autoridades com “poderes limitados” contra a desinformação e preocupadas com as “deepfakes”

“As autoridades policiais têm poderes limitados para conter a manipulação da informação, que pode assumir a forma de tentativas de distorcer o discurso político, manipular eleições, erodir os princípios democráticos, semear a desconfiança nas instituições, intensificar as divisões sociais, fomentar a insegurança e espalhar a discriminação e a xenofobia”. A constatação do relatório “Serious and… Read More Autoridades com “poderes limitados” contra a desinformação e preocupadas com as “deepfakes”

Confiança na tecnologia (e nos media e nos governos) em baixa

O 21st Annual Edelman Trust Barometer é claro: a epidemia teve um efeito negativo na anterior confiança no sector tecnológico. Nos media, essa confiança também continua a degradar-se. E, em 18 de 27 países, as empresas são mais confiáveis do que os governos, refere este estudo internacional. Sem dados para Portugal, o trabalho inquiriu 33… Read More Confiança na tecnologia (e nos media e nos governos) em baixa

Dia internacional da verificação de factos por todos ou só por alguns?

Comemora-se esta sexta-feira, 2 de Abril, o International Fact-Checking Day, promovido pela International Fact-Checking Network e outros envolvidos neste tipo de projectos. Segundo a organização, “a verificação de factos não deve ser algo que apenas verificadores profissionais fazem. Um ecossistema de informações fiáveis exige que todos façam a sua parte”. Um dos últimos exemplos desta… Read More Dia internacional da verificação de factos por todos ou só por alguns?