A indústria InsurTech, do Oklahoma a Portugal

Discretamente, o estado norte-americano do Oklahoma lançou um programa de vigilância em massa para detectar motoristas sem seguro – uma tecnologia apoiada pelas autoridades políticas e policiais.

A ferramenta usada é a Rekor One, que “permite a detecção em tempo real de veículos não conformes e a consolidação instantânea de dados numa base de dados de seguros actualizada regularmente e ligada aos programas de fiscalização do estado”, descreve um comunicado de imprensa. “Além disso, a tecnologia de inteligência artificial (IA) da Rekor identifica a marca, o modelo e a cor de um veículo – fornecendo validação adicional para confirmar a identificação do veículo”.

Esta é apenas uma das tecnologias ao serviço das empresas InsurTech (de “insurance + tech” ou seguros + tecnologia), “uma indústria de software/TI especializada em seguros. Serviços online que permitem comparar apólices de seguro, empresas que usam a IA para processar as reclamações e seguradoras que estão a ficar cada vez mais digitais – todos estão sob o amplo guarda-chuva da InsurTech”, explica o relatório “What Is The State of InsurTech in 2021?“, da Porch Research.

Entre as tecnologias desta indústria conta-se o Big Data para “ajudar as seguradoras a lidar com o volume de sinistros; algoritmos de aprendizagem por máquina usados ​​na detecção de fraudes de seguro; dispositivos inteligentes instalados em carros para recolher dados da condução e avaliar o risco de acidente; apps e chatbots para os clientes comunicarem directamente com as seguradoras ou soluções de drones usadas por seguradoras de propriedades para as inspeccionar”.

O sector está em expansão e conta com mais de 3.400 empresas a nível global, das quais “mais de 1.500 surgiram nos últimos cinco anos”. No ano passado, ocorreram 81 aquisições de InsurTech – o maior número já registado, superando as 67 compras ocorridas em 2016 e outras tantas em 2018.

“A maior parte das empresas InsurTech está sediada nos Estados Unidos (1.370 ou 44%)”, seguindo-se o Reino Unido (313 empresas), Alemanha (130) e Canadá (122). Num surpreendente 5º lugar está a Índia (110), que tem mais 16 empresas InsurTech do que a China (94). Outra surpresa no “top 10” global é Israel, com 64 empresas InsurTech.

Portugal contabiliza nove, no relatório, da Porch, e já tem uma Associação FinTech e InsurTech Portugal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.