A Apple anunciou que a sua aplicação Maps passou a estar disponível com informação sobre Lisboa. [actualização sobre o “Eyedrive, Apple’s system for building Maps and testing autonomous driving“]

Por seu lado, a Google revelou um texto sobre como a inteligência artificial (IA) é usada na sua aplicação Maps, que serve mil milhões de quilómetros diários em mais de 220 países e territórios.

Para fornecer os dados necessários para o utilizador, os Google Maps “analisam padrões históricos de tráfego nas ruas ao longo do tempo”, tendo-se associado à DeepMind, um laboratório de investigação em IA da Alphabet, para melhorar a fiabilidade dessas previsões.