36 mil anos depois, a gruta de Chauvet no sul de França pode ser (re)visitada em realidade virtual (RV).

No âmbito de um projecto mais vasto, passou-se dos desenhos pré-históricos (e das ideias de 2015 ou 2017) para os videojogos no século XXI.