Como reter os talentos em IA

“O talento é essencial para a competitividade dos EUA em inteligência artificial [IA], e os estudantes de pós-graduação internacionais são uma grande fonte de talento em IA para os Estados Unidos. Mais da metade da força de trabalho da IA ​​nos Estados Unidos nasceu no exterior, assim como cerca de dois terços dos actuais estudantes de pós-graduação em áreas relacionadas com a IA. Dezenas de milhares de estudantes internacionais recebem anualmente diplomas relacionados com a IA nas universidades dos EUA. Mantê-los e garantir um fluxo constante de talentos futuros é uma das coisas mais importantes que os EUA podem fazer para resolver a persistente escassez de mão-de-obra interna em IA e para permanecer como líder global” neste sector, escreve-se no relatório “Keeping Top AI Talent in the United States“, do Center for Security and Emerging Technology.

O documento salienta existirem boas e más notícias. Nas primeiras conta-se como “a retenção de estudantes tem sido historicamente uma força essencial dos EUA” e que “a grande maioria dos talentos de IA treinados na China vive actualmente” fora desse país.

Nas más notícias regista-se como “os obstáculos à imigração enfrentados pelos graduados internacionais cresceram constantemente nas últimas duas décadas e pioraram nos últimos anos”, quando em simultâneo outros países estão igualmente a “investir fortemente na atracção e retenção de talentos da IA”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.