O papel como substituto do telemóvel

O Paper Phone pretende contrariar o tempo que se passa ao telemóvel electrónico por um dispositivo em papel.

Para aprofundar esta ideia de “desintoxicação digital”, o “balanço” com a tecnologia é feito pela impressão de uma pequena agenda diária com os dados necessários para cada dia. As escolhas são efectuadas previamente usando uma aplicação e depois impressas numa folha A4.

O Paper Phone é uma app experimental em “open source” para Android e foi concebido pelo Special Projects para a Google Digital Wellbeing Experiments, também para gerir o problema da nomofobia.

Este receio de ficar sem o telemóvel tem sido apontado como forma de destruir intelectualmente a nova geração mas, se isso não aconteceu, deixou-a claramente sem competências para usar um mapa ou um despertador sem ser no smartphone.

O uso em excesso dos telemóveis – até por crianças – é desaconselhado mas é ainda difícil classificá-lo como “vício” e há até quem – talvez… – defenda o contrário, incluindo para as crianças. Os perigos são outros, como a ausência dos pais ou a falta de cumprimento de regras normais

O “mito” da viciação não foi validado cientificamente e continua a propagar-se desde 2012. Ou seja, não é uma droga embora possam ser adaptados para o tráfico da mesma…

Em resumo, quem considera que passar seis horas por dia ao telemóvel é exagerado, tem toda a razão. Mas agora pode substituí-lo pelo Paper Phone…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.