Ler um livro, publicar a sua crítica e receber propostas de leitura é o objectivo de um projecto colaborativo de Ernesto Filardi.

200 países, 200 libros” aponta, para Portugal, autores como Fernando Pessoa, Miguel Torga (“Rua”), Agustina Bessa Luís (“A Sibila”) e Mariana Alcoforado e as suas “Cartas de Amor” ou “Lettres Portugaises”.

O projecto é assumido como uma continuação do “A year of reading the world“, de Ann Morgan, lançado em 2012.

Para Portugal, esta autora britânica indica Eça de Queiroz (“O Mandarim”), José Saramago (“Ensaio sobre a Cegueira”, “O Ano da Morte de Ricardo Reis” e “O Evangelho segundo Jesus Cristo”), Fernando Pessoa ou Agustina Bessa-Luís e a “Carta” de Pêro Vaz de Caminha.