Olhar a guerra nos olhos (em realidade virtual)

“O Inimigo é sempre invisível. Quando ele se torna visível, deixa de ser inimigo”.

A definição da experiência “The Enemy“, concebida pelo fotojornalista Karim Ben Khelifa, coloca em realidade virtual os combatentes em três zonas de conflito (El Salvador, República Democrática do Congo e Israel e Palestina), entre si e com o espectador.

“O meu interesse era se se pode olhar para estas pessoas nos olhos”, afirma Ben Khelifa. E “podem eles olhar-te nos olhos?”

“The Enemy” está no MIT Museum até final do ano e o espaço permite a circulação de 15 visitantes. Foi estreado em Paris, no passado mês de Maio, passou em Junho por Israel, estreou em Outubro nos EUA e segue depois para o Canadá.

O autor pretende também levar a experiência de realidade virtual às zonas de conflito onde registou os conteúdos, nomeadamente para ser vista por jovens locais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.